GNR: férias e horário de trabalho em debate

Abril Abril

 

O período de férias e o horário de trabalho dos profissionais da GNR serão objecto de discussão na Assembleia da República.

O PCP vai promover a discussão parlamentar de dois projectos de lei que abordam a clarificação do período de horário de trabalho e o tempo de férias dos profissionais da GNR.

No que respeita ao horário de trabalho, a proposta avança com as 36 horas semanais, garantindo que a prestação de serviço para além do período normal do exercício de funções é compensada com a atribuição do crédito horário.

Quanto ao período de férias, os comunistas propõem a consagração de mais mecanismos de conciliação da vida pessoal e familiar, garantindo que os cônjuges e os profissionais que vivam em união de facto possam gozar férias ao mesmo tempo. Propõem ainda 25 dias úteis de férias para quem tenha até 39 anos de idade, 26 dias até aos 49 anos, 27 até aos 59 anos e 28 dias úteis de férias para quem tenha mais de 59 anos de idade.

In www.abrilabril.pt

Projeto de Lei n.º /XIII-2ª