NOTA À IMPRENSA

Polícias e Militares não aceitam tratamento discriminatório!

Reunião, dia 6 de Dezembro

A Associação Sindical dos Profissionais da Polícia – ASPP/PSP, A Associação dos Profissionais da Guarda – APG/GNR , a Associação Nacional de Sargentos – ANS, a Associação de Oficiais das Forças Armadas – AOFA e a Associação de Praças - AP, enquanto estruturas representativas dos profissionais das forças de segurança e dos militares das Forçar Armadas não podem ficar indiferentes à proposta de Orçamento de Estado para 2018, que parece querer deixar de fora estas carreiras especiais no processo de descongelamento, não contabilizando para o efeito quase uma década de carreira profissional, quando assumiu posição diferente para a generalidade dos trabalhadores com funções públicas.

No sentido de assumir uma posição pública conjunta, estas estruturas irão reunir, no próximo dia 6 de Dezembro, pelas 11H00, na Sede Nacional da ASPP/PSP, sita na Av. Santa Joana Princesa 2, em Lisboa.

Lisboa, 4 de Dezembro de 2017

ASPP/PSP

APG/GNR

ANS

AOFA

AP

Visualizar comunicado de imprensa